• Clássico Rei

    Clássico rei

    Compartilhar

    França despacha a Bélgica e faz final com a Croácia

    Jogando um simples feijão com arroz a França superou a Bélgica sem maiores esforços e vai para sua terceira final de Copa do Mundo

     

    Umtiti acaba com o sonho belga e coloca a França na final da Copa

    A França não precisou mostrar um futebol bonito, nem do brilho de seus craques Mbappé e Griezman, para despachar a Bélgica e seguir para sua terceira final de Copa do Mundo. O time francês fez tudo aquilo que o Brasil não fez, tirou da Bélgica o veneno do contra-ataque e prevaleceu nas jogadas pelo alto. O Lukaku virou um atacante comum, desses que existem com fartura na Europa, e o De Bruyne se mostrou sem forças frente a marcação segura dos franceses.

    A Bélgica viu seu sonho de virar grande no futebol mundial ir por água abaixo. A vitória da França, sem jogar bem, mostrou que simplesmente deve se ver o resultado da Bélgica sobre o Brasil, 2 a 1, não como um específico êxito do time europeu, mas como uma derrota dos brasileiros.

    A vitória da França foi configurada e resolvida em um escanteio aos cinco minutos do segundo tempo cobrado por Griezman na cabeça do zagueiro Umtiti – gol dos franceses, e passagem para a final.

    O adversário de domingo (15) na decisão do mundial será a Croácia, que venceu nesta quarta-feira (11) a Inglaterra pelo placar de 2 a1 – com o último gol saindo já na prorrogação.

  • Compartilhar

    10 de julho: 50 anos do título invicto do Alecrim Futebol Clube

    Time alviverde representante do populoso bairro do Alecrim, em Natal, marcou época no futebol potiguar e um de seus principais feitos foi o título invicto de 1968

     

    Time do Alecrim Futebol Clube campeão de 1968 (Foto: No Ataque)

    1968 foi um ano de deixar saudades no futebol do Rio Grande do Norte. O campeonato estadual ficou marcado na história como um dos mais vistosos e de maior repercussão junto a uma torcida que só fazia aumentar. Cada ida ao estádio, o saudoso Juvenal Lamartine, no Tirol, em Natal, era brindada com jogadas empolgantes, participativas e capazes de despertar emoção.

    Nesse ano de ouro e em um campeonato cheio de possibilidades, o Alecrim Futebol Clube começou e terminou com um time que se consagrou pela qualidade. Passados 50 anos, os que acompanharam aquela época esportiva, independente de seu clube de coração, recordam o meio de campo de Pedrinho e Valdomiro, o centroavante Icário, o ponta direita Zezé, e o ponta esquerda Burunga.

    Não podia ser diferente, no dia 10 de julho daquele ano o Alecrim Futebol Clube conquistava de forma invicta o título de campeão do Rio Grande do Norte, consagrando toda uma trajetória de jogos difíceis contra seus adversários de maneira imbatível.

    Naquele dia, quarta-feira (10 de julho de 1968), o alviverde natalense vencia o Ferroviário, Jogando no estádio Juvenal Lamartine, pelo placar de 2 a 0. Os gols foram marcados por Icário e Elson. O Alecrim jogou com Eliezer, Luizinho, Miro, Cândido e Anchieta, Valdomiro e Pedrinho, Zezé, Elson, Icário e Burunga.

    Péssimo sinal dos tempos: este ano de 2018, lamentavelmente, o Alecrim Futebol Clube,  sete vezes campeão estadual, esteve fora da primeira divisão do campeonato do Rio Grande do Norte.

    Vale ainda dizer que o Alecrim Futebol Clube fez o jogo de inauguração do moderno estádio Arena das Dunas, em Natal, no dia 26 de janeiro de 2014, enfrentando o Abc. O placar final foi de 2 a 0 para o Abc, com gols de Beto e Lúcio Flávio.

    Ferroviário de Fortaleza vence e sobe em 2019

    O Ferroviário de Fortaleza (CE) venceu nos pênaltis o Campinense nessa segunda-feira (9), em Campina Grande, e garantiu o acesso à Série C no próximo ano. Nos 90 minutos, o Campinense ganhou por um a zero,mas havia perdido no jogo de ida por 3 a 2, em Fortaleza. Nos pênaltis, 5 x 4 para o Ferrim. Com a eliminação do Campinense, cogitam a volta de Francisco Diá para o comando técnico da Raposa, assumindo o lugar de Ruy Scarpino, este por sua vez, que ninguém fique surpreso, se aparecer dirigindo um clube natalense na próxima temporada.

    Além do Ferroviário, o futebol brasileiro já tem mais três novos integrantes na Série C de 2019. São José-RS, Treze-PB e Imperatriz-MA confirmaram suas vagas neste domingo quando foram realizados três jogos de volta das quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série D.F

  • Compartilhar

    América perde para o Confiança jogo de 1 milhão

    Mais uma vez não deu para o América e mais uma vez o torcedor foi iludido com uma possibilidade de vitória que não veio

    O jogo que valia 1 milhão de reais para o time vencedor e que conseguiu atrair a atenção dos torcedores rubros natalenses teve o desfecho que já se tornou tradicional: o América perdeu para o Confiança de Sergipe por 2 a 0 jogando em casa, na Arena das Dunas, na noite desta quinta-feira (26), pelo mata-mata da pré-Copa do Nordeste 2019.

    A primeira partida, jogada em Aracaju, o América até que se saiu bem na fita – empatando em 1 a 1. O problema do América é acreditar que é um time com o mínimo de conjunto, isso ele não tem. Até que tem alguns valores individuais entre a maioria de caneleiros, mas não tem o coletivo, tão necessário nas disputas do futebol atual.

    Com a derrota por 2 a 0 para o Confiança, marcaram para o time sergipano, Léo Ceará e Frontini, o América também ficou fora da Copa do Nordeste de 2019, com isso não perde apenas o 1 milhão de reais que valia o retorno à competição, mas a grana que a a rede multinacional Esporte Interativo paga aos times que disputam o certame.

    Com mais uma derrota em partida decisiva, o América joga agora todas as suas fichas na Série D na tentativa de voltar à C, lugar no qual estão o Abc e o Globo de Ceará-Mirim. O América precisa voltar a brigar para ser a primeira força do futebol do RN, mas, antes disso, precisa ultrapassar o Globo de Ceará-Mirim.

  • Compartilhar

    Jogo que vale um milhão de reais

    América faz jogo nesta quinta-feira(26) que vale um milhão de reais contra o Confiança

    O América (RN) tem nesta quinta-feira (26), na Arena das Dunas, às 19h15, uma grande batalha pela contra o Confiança (SE), jogo que pode confirmar participação na Copa Nordeste do próximo ano e mais recursos financeiros para o clube rubro.

    O jogo, que além de conquistar a classificação para de grupo da Copa Nordeste de 2019, vale mais de R$ 1,2 milhões para a conta bancária americana. Basta vencer por um placar simples. É o valor oferecido pelos organizadores do torneio e mais a cota de transmissão de jogos.

    Vitória do Confiança, quem prossegue no certame é o time sergipano, que vale 600 mil reais. Caso empate, o vencedor será conhecido através de cobrança de pênaltis.

    Série D

    Na última segunda-feira (23), jogando fora de casa, o América conseguiu um empate, sem gol, contra o time do Imperatriz (MA). Para o treinador Ney da Matta o time teve uma melhora em campo e espera mais qualificação nos próximos jogos que serão em casa, na Arena das Dunas.

    No feriado de 1 de maio, o América faz a primeira partida pelo Campeonato Brasileiro da Série em casa, contra o Guarani (CE).

  • Compartilhar

    ABC achou um gol e consegue vencer o fraco Juazeirense

    ABC joga mal mas conquista os três primeiros pontos no Brasileirão da Série C

    O ABC livrou-se de um resultado negativo jogando na tarde deste domingo (22) contra o fraco time da Juazeirense (BA). O time de Ponta Negra achou um gol, feito pelo atacante Leandrão de cabeça, no final do primeiro tempo e ficou nisso mesmo.

    Fessin e Samuel foram expulsos. O time de Juazeiro da Bahia não conseguiu finalizar porque é também bastante ruim. Para o treinador Raniere Ribeiro, o ABC é um time bastante inferior ao que terminou o ano passado. “Obrigação é minha para encontrar uma melhor situação”, disse.

    No próximo sábado, o ABC vai à Recife jogar contra o Santa Cruz. Na estreia do certeza, o <Mais Querido perdeu para o Globo de Ceará-Mirim, por um a zero.

    Durante a partida contra o Juazeirense, um dirigente das categorias de base da CBF esteve nos camarotes do estádio Frasqueirão observando os jogadores do ABC Fassin e Toião, abaixo de 19 anos. Mas quem mostrou futebol foram aos veteranos tanto do ABC como alguns do Juazeirense, como Juninho Tardelli, Leandrão, Trigue, e goleiro reserva Rodrigo, todos acima dos 30 anos.

    Bolsa de valores

    Fessin é jogador que entrou na chamada “bolsa de valores” do Corinthians paulista. Assim como Mateus, ele foi contratado e fica na espera de uma nova proposta para o mercado internacional. Espera-se que até o final de agosto Fessin continue jogando pelo ABC mas recebendo seus vencimento pelo Corinthians.

    Mateus integra o time paulista, porém até agora só ficou no banco de reserva, assistindo algumas partido vestido a camisa corintiana.

  • Posts antigos

    Revista

    0

    Anos da revista foco.

    0

    Edições da revista foco.

    Aniversário da Revista Foco

    Internet para Todos

    Troféu Mulher Destaque Potiguar

    RN atinge 3,5 milhões de habitantes

    Natal em Natal: A força da beleza e da cultura

    Entidades Médicas fortalecem a profissão

    Mais edições